Estamos vivendo um período de grande desafio para quem sofre com a ansiedade. O TAG – Transtorno de Ansiedade Generalizada – é caracterizado pela preocupação persistente e excessiva, que pode ter sintomas associados como a hiperatividade e tensão muscular, por exemplo. O diagnóstico é feito somente por um médico, em geral na área da psiquiatria e, o tratamento muitas vezes é feito de maneira multidisciplinar, envolvendo também o nutricionista.

O stress de forma crônica influencia o eixo Hipotálamo-Hipófise-Adrenal (HHA). Em consequência ao fator estressor constante, acontece uma hiperativação desse eixo, o que eleva a secreção do cortisol, mantendo o indivíduo, que já vive sob condição de agitação, em situação de alerta com aumento de frequência cardíaca. Essa condição está relacionada à diminuição de neurotransmissores responsáveis pelo nosso bem-estar, como a serotonina, que por sua vez, está relacionada a condições psiquiátricas como a depressão. Além disso, o ciclo do sono, que pode estar prejudicado em condições de ansiedade e depressão, é muito importante para manter os níveis adequados de cortisol.

Confira o vídeo e saiba mais sobre os mecanismos envolvidos e como pode ser o manejo nutricional para essas condições!